24.8.11

Literatura Nerd

 É relativamente comum ouvirmos por  aí que fulano é CDF/ Nerd porque é inteligente, gosta de computadores, programação, ficção científica, tecnologia, é bom em física etc. Sem recorrer aos estereótipos, são vários os tipos de nerds. Mas o que seria a literatura nerd? Geralmente algo que envolva ficção Científica e fantasia. São autores como Tolkien e Stephen King. Acredito que grande parte dos leitores já ouviu falar, já leu, ou conhece alguém que já leu alguns dos títulos mencionados.

Falarei apenas sobre dois títulos de muitos. Vale a pena se aventurar por leituras como Viagem ao Centro da Terra, O Senhor dos Anéis, Carrie a Estranha, Admirável Mundo Novo, entre outros.

Esta série é imperdível para os fãs de ficção científica. São cinco volumes: O Guia do Mochileiro das Galáxias; O Restaurante no Fim do Universo; A Vida, o Universo e Tudo Mais; Até Mais, e Obrigado Pelos Peixes! . Douglas Adams inova ao criar um enredo único. Imagine que você, um ser humano normal, sem mais nem menos descobre que a terra foi destruída e você foi um dos únicos sobreviventes. É exatamente o que acontece com Arthur Dent, que se vê em uma jornada pelo espaço com seu amigo alienígena Ford Prefect. As viagens intergaláticas e os povos tão diferentes, acabam levando Arthur a questinonar até mesmo o sentido da vida (de onde viemos e para onde vamos) e o verdadeiro propósito da criação de nosso querido planeta Terra. O autor tem um humor irônico e divertidíssimo.


Laranja Mecânica é mais conhecido pelo filme do que pelo livro. Trata-se de uma história mais pesada, e uma literatura mais complexa. O livro foi escrito em um dialeto chamado NADSAT, criado pelo próprio autor. A narrativa é ambientada em um futuro próximo onde a sociedade é extremamente violenta. O personagem principal é Alex, um jovem participante de uma gangue. Após um ato de violência contra uma senhora, Alex é emboscado pelos próprios companheiros, é preso e submetido a um programa de reabilitação do governo que consiste basicamente em lavagem cerebral por meio de drogas, musicas e videos. O problema é o momento em que Alex encontra suas vítimas após sair da prisão.
De fato, o livro cumpriu sua função em termos de polêmicas, principalmente para a época em que foi escrito.

3 comentários:

  1. Muito bom o filme laranja mecânica, não li o livro, deve ser meio pesado.
    Eu quero mesmo é ler o Guia do Mochileiro. heuehue
    deve ser massaaa :D

    abraçooos

    http://zonzobulando.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Sou louca pra comprar/ler O Guia do Mochileiro das Galáxias, já li ótimas resenhas e comentários otimistas sobre os livros dessa série, sem falar que as capas são lindas né? Queria muito tê-los na minha pseudo-estante.
    Já ouvi falar muito de Laranja Mecânica, tanto do livro quanto do filme, e também deve ser muito bom de se ler. Beijo.

    ResponderExcluir
  3. Se o futuro da nação fossem os nerds, que me traga eles! iosdfjsifj não li o guia do mochileiro das galaxias, mas já li laranja mecanica, já vi o filme e posso dizer que foi o livro/filme mais perturbador, e ao mesmo tempo, mais incrivel que eu ja vi e li :) otimo texto!
    beijos

    ResponderExcluir